Notícias

20/02/2013 0:26 - Atualizado em 20/02/2013 0:27

Astronautas cristãos dizem que viagens espaciais fortalecem a fé

Ao contrário do que muitos podem pensar, a NASA é um local onde a fé tem um papel importante. Já foi noticiado que astronautas levaram Bíblias durante suas missões.

Em especial, dois astronautas que participaram de viagens espaciais importantes com a nave Atlantis afirmam terem renovado sua fé em Deus observando do espaço a maravilha da criação.
Mike T. Good e Mike Massimino são estrelas na mídia dos EUA, tem milhares de seguidores em redes sociais e continuamente dão palestras sobre o que viveram.

O Coronel Good afirmou com convicção “dizem que não há ateus nas trincheiras, e provavelmente não há nenhum nos foguetes espaciais.” Ele esteve duas vezes no espaço, uma delas na histórica missão que colocou o telescópio Hubble em órbita.

Seu parceiro Massimino também estava naquela viagem espacial. Durante uma entrevista, confessou “Eu sonhava em ser astronauta quando era criança. Eu tinha seis anos quando Neil Armstrong pisou na lua. Mas a visão da Terra… é tão impressionante ver a Terra do espaço! Nós podemos treinar nos simuladores, mas nada pode prepará-lo para o que seus olhos verão ao perceber a grandeza do espaço e beleza da Terra… Não consigo descrever em palavras, mas posso dizer que quando fiz a caminhada espacial o pensamento que me veio é que eu estava no céu, então o Paraíso deve ser semelhante a isso”.

Ao ser perguntado como ele vê o céu e o inferno, foi categórico: “Quando criança aprendi que o céu estava em cima e o inferno, embaixo. À medida que envelhecemos, entendemos que não é possível pensar nesses termos. Nada do que temos aqui irá conosco, por isso o mais importante é lembrarmos que o Evangelho de Mateus nos diz para não nos preocuparmos com o amanhã.”

Massimino contou ainda que a oração é algo muito comum entre os astronautas. ”Eu orei muito para realizar todo o trabalho com sucesso e realmente me sinto mais perto de Deus”. O porta-voz do Centro Espacial explica que “a NASA não fornece recursos espirituais, mas objetos religiosos como cruzes, Bíblias, imagens e orações estão entre os itens pessoais mais comuns nas viagens ao espaço.”

É conhecida a história do astronauta Buzz Aldrin, que durante sua viagem à Lua orou e levou consigo um pedaço de papel com o Salmo 8:3-4 “Quando vejo os Teus céus, obra dos Teus dedos, a lua e as estrelas que preparaste; que é o homem mortal para que Te lembres dele? e o filho do homem, para que o visites?”. Antes de voltar à Terra, Aldrin colocou esse papel sobre a superfície do satélite e regressou à nave.

Em Janeiro de 1971, dois membros da tripulação da Apollo 14, Shepard e Mitchell, depositaram na superfície lunar um pacote contendo uma Bíblia em microfilme e o primeiro versículo de Gênesis em 16 idiomas. Seis meses mais tarde, durante a missão Apollo 15, James B. Irwin, depois de andar na Lua, disse: “senti o poder de Deus como nunca senti antes.” Em 1998, John Glenn, que voltou ao espaço após 36 anos, disse: “Para mim é impossível contemplar toda a criação e não crer em Deus.”

Parece que a NASA está cheia de cristãos. A maioria dos que trabalham no Centro Espacial Johnson, em Houston, Texas, frequentam a Igreja Presbiteriana Webster ou as paróquias católicas de Santa Clara de Assis e de Saint Paul. Um dos líderes da Saint Paul diz que o pessoal da NASA “desfrutam de visão que os sacerdotes não têm, pois podem falar da glória da criação de Deus a partir do espaço”. Com informações Religion en Liberdad e Noticia Cristiana.

Fonte: Gospel Prime

 

Recentes

Adorarte 2017

Artes

Adorarte 2017

Outubro das Artes

Artes

Outubro das Artes

_DSC7979

Terceira Idade

Projeto Vitalidade

Comentários

  1. Marcia da Siva de Souza disse:

    Ola boa noite!
    Graças e a paz

    Gostaria de saber informações do curso Educação de Filhos à Maneira de Deus ,quais dia e horário.

    Desde ja agradeço atenção.

  2. Maria goretti Machado disse:

    Boa tarde. Gostaria de saber sobre aula de canto. Não sou da igreja, não sei se é um impedimento. Aguardo retorno. Grata. Maria goretti

Deixe o seu comentário!

Todos os campos são obrigatórios.