Mensagens

23/10/2017 11:51 - Atualizado em 23/10/2017 11:51

Campanha de Evangelização Urbana

Em Mateus 28.18-20, encontramos as últimas instruções do Senhor Jesus aos seus discípulos. Destaca-se, especialmente, o imperativo “IDE”. À igreja o Mestre determina que proclame as boas-novas de salvação a todos os povos, começando por Jerusalém.

A responsabilidade de proclamar o Evangelho deve ser assumida por todos nós, crentes em Jesus. É nossa a tarefa de levar ao coração de cada um a doce mensagem de perdão, de esperança e de salvação.

Para o cumprimento dessa missão, devemos começar por aqueles que estão próximos a nós: familiares, amigos, colegas e vizinhos. Eles são a nossa “Jerusalém”.

Na Campanha de Evangelização Urbana – CEU, estendida até dezembro próximo, somos desafiados a ir ao encontro daqueles que estão ao nosso alcance para, em nome de Jesus, anunciar-lhes as boas-novas.

Para tanto, desejamos dar aos irmãos as seguintes sugestões:

1. Ore diariamente pelos seus familiares, amigos, colegas e vizinhos. Clame a Deus por suas vidas e, especialmente, peça sabedoria ao Senhor para que você saiba como evangelizá-los;
2. Realize um culto em sua residência, convidando-os a participarem (conte com a ajuda dos pastores da igreja);
3. Distribua folhetos evangelísticos a cada dia;
4. Dê Bíblias de presentes às pessoas que são próximas a você;
5. Convide-as a participarem dos nossos cultos dominicais.
6. Envie, se possível, mensagens de esperança cristã pelo WathsApp.

Amados, precisamos aproveitar o tempo que Deus nos tem dado para proclamarmos a mensagem bíblica da salvação em Cristo Jesus. Não podemos transferir para outros essa responsabilidade, nem negligenciá-la. O tempo urge!

São do pastor e avivalista Charles Haddon Spurgeon essas palavras: “Se os pecadores serão condenados, que eles o sejam pelo menos passando por cima de nossos corpos. Se os pecadores hão de perecer, que eles o façam pelo menos tendo os nossos braços a agarrar-lhes os joelhos, implorando que fiquem. Se o inferno tem de ser cheio, que o seja pelo menos contra o vigor de nossos esforços, e não permitamos que ninguém vá para o inferno sem que o tenhamos advertido e por ele tenhamos orado.”

Sejamos, pois, fiéis proclamadores do Evangelho em obediência à missão que nos foi delegada por Jesus, nosso Senhor e Salvador.

Do pastor,
Pr. Arlécio Franco Costa

Recentes

Mensagem - Luzes do Natal

Artes

Luzes do Natal

Mensagem - Nasceu a esperanca

Pastoral

Nasceu a esperança!

Mensagem - Missoes no Oeste da Africa

Evangelismo e Missões

Missões no Oeste da África

Comentários

Deixe o seu comentário!

Todos os campos são obrigatórios.