Mensagens

31/10/2016 13:31 - Atualizado em 31/10/2016 13:31

Mas existe uma esperança!

Precisamos lembrar que, geralmente, é em momentos críticos que nascem os grandes avivamentos. Nosso sentimento de incapacidade pode tornar-nos mais sensíveis à necessidade da graça sobrenatural.

Os últimos dias que precedem a volta do Senhor Jesus não constituem exceção. Épocas de perigo parecem nos impulsionar para o cumprimento da pregação do Evangelho, conforme ordenança bíblica.

Não podemos afirmar se pertencemos a essa última geração. No entanto, podemos dizer que muitos sinais que precedem a volta de Jesus estão sendo cumpridos literalmente. Paulo, escrevendo ao jovem pastor Timóteo, diz: “Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis, pois os homens serão egoístas, avarentos, jactanciosos, arrogantes, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, irreverentes, desafeiçoados, implacáveis, caluniadores, sem domínio de si, cruéis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, enfatuados, mais amigos dos prazeres que amigos de Deus.” (2 Tm.3.1-4) Ufa!!!

Temos a esperança de que sejamos a geração que verá o tão esperado derramamento do Espírito Santo sobre a terra, antes do grande e glorioso dia do Senhor.

O Pr. Robert Coleman (A Chegada do Avivamento Mundial) comenta que “Mesmo agora, em meio às sombras que se amontoam, surgem alguns sinais encorajadores. O interesse e preocupação com a oração entre o povo de Deus em todo o mundo, a consciência crescente em nossas igrejas de que o estilo de vida e o ministério dos crentes têm de ser moldados pela Palavra de Deus, grupos de estudos bíblicos em casas, jovens ampliando a visão pela obra missionária, o Evangelho chegando a países antes fechados – estes e muitos outros movimentos atuais do Corpo de Cristo preveem grandes coisas para o futuro.”

Podemos dar os nomes que quisermos, mas os crentes sinceros estão buscando a vontade de Deus para as suas vidas, uma transformação interior do ser.

Eis o desafio diante de nós: para sermos relevantes às necessidades do nosso tempo, precisamos – eu e você – buscar em oração e pelo estudo das Escrituras Sagradas a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

Devemos, diante desse desafio, orarmos pedindo a Deus que esse avivamento comece em nós. Amém!

Pr. Arlécio Franco Costa

Recentes

Mensagem - AgostoJA

Jovens e Adolescentes

AgostoJA – A Cultura do Reino

Mensagem - Evangelizacao da Familia

Evangelismo e Missões

Evangelização da Família

Mensagem - CEU

Evangelismo e Missões

CEU - Campanha de Evangelização Urbana

Comentários

Deixe o seu comentário!

Todos os campos são obrigatórios.