Notícias

3/08/2013 19:59 - Atualizado em 3/08/2013 19:59

Missionárias cristãs são espancadas publicamente na Índia

Cinco mulheres cristãs foram espancadas por um homem na região de Andhra Pradesh, na Índia, por falar sobre o amor de Jesus em um mercado público. As mulheres atacadas são líderes do ministério Women’s Fellowship, que é patrocinado pelo Gospel for Asia (GFA).

O ataque começou depois que o grupo de cristãs compartilhou o evangelho com os donos de lojas e compradores do mercado. Um homem chegou exigindo saber o que elas estavam fazendo. De acordo com o Noticia Cristiana, ele iniciou a agressão atingindo o rosto de uma das mulheres e, em seguida, atingindo também as demais missionárias, ato que foi seguido por outros homens presentes no local.

Bansari, Jaladhi, Kuyil, Sunita e Viveka, foram espancadas na face, orelhas e cabeça. Um relato publicado pelo CFA afirma que não havia ninguém para defendê-las, mas que, no entanto, elas conseguiram escapar milagrosamente dos múltiplos agressores, se livrando de mais danos físicos.

O Gospel for Asia pediu que cristão de todo o mundo orassem pelas mulheres agredidas, e por todas as mulheres missionárias e líderes do Women’s Fellowship, que trabalham em culturas dominadas pelos homens, onde as mulheres sofrem opressão e degradação cultural.

O GFA patrocina ministérios intencionais no Sul da Ásia, a fim de as mulheres sejam alcançados com o amor de Cristo, em culturas onde os homens restringem severamente o ministério liderado por mulheres.

- Quando vemos jovens mulheres espancadas em público, pela fé, isso nos diz o que o futuro nos reserva em termos de perseguição – afirmou Daniel Punnose, vice-presidente da GFA.

- As coisas estão piorando, mas o Senhor é fiel em todas as coisas – completou.

Por Dan Martins, para o Gospel+

Recentes

Noticia - Seminario para Mulheres

Eduação Cristã

Seminário Para Mulheres 2017

Banner Acampa JA 2017

Jovens e Adolescentes

Acampa JA 2017

Banner One Curso de Noivos

Família

ONE 2017.2 - Curso Para Noivos

Comentários

Deixe o seu comentário!

Todos os campos são obrigatórios.