Mensagens

16/07/2016 20:27 - Atualizado em 16/07/2016 20:27

“…Senhor, retira-te de mim, porque sou pecador.”

Texto base: Lucas 5.7-11

Confesso que me identifico, aprendo, e com todo respeito, até acho graça de algumas atitudes do apóstolo Pedro.

De todos os discípulos, ele, Tiago e João, conforme os relatos nos Evangelhos eram os que estavam quase sempre mais perto de Jesus. Dos três, Pedro geralmente é quem tomava as iniciativas para falar com Jesus. Parece que muitas vezes ele não tinha o que falar, e talvez nem precisasse falar, mas mesmo assim, ele falava.

Quanto ao episódio do texto base deste editorial, Pedro, inicialmente questiona a ordem de Jesus para lançar a rede, mas, imediatamente ele faz uma forte declaração de obediência dizendo: “…sob tua palavra lançarei as redes”(vs 5). Ao obedecer o Senhor, Pedro e todos os outros ficam admirados com o resultado, e então acertadamente reconhece que era pecador, mas pede a Jesus para se afastar dele. Eu fico a imaginar o que aconteceria se Jesus acatasse o pedido de Pedro respondendo-o: “que seja assim Pedro, vou me retirar de vós, porque realmente és pecador”. Seria uma resposta trágica não só para Pedro, mas para toda humanidade também.

Graças ao imensurável amor de Deus, as primeiras palavras de Jesus em resposta à Pedro são: “não temas, …” (vs 10). Quão maravilhoso e reconfortante é ouvir estas palavras! Jesus, o Emanuel, o Deus conosco, não se retira de nós, pecadores que somos, mas em Sua maravilhosa graça Ele faz justamente o contrário. Jesus se aproxima para retirar de nós o pecado! “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (Jo 1.29). O texto de Lucas 5 concorda com o que Efésios 3.20 diz: “Ora, àquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós”. Jesus disse e fez infinitamente mais na vida de Pedro: “…doravante serás pescador de homens” (vs 10).

De inúmeras lições que esta passagem nos ensina, eu penso em pelo menos duas. A primeira é que não devemos deixar que o pecado afaste nos de Cristo, mas, devemos nos aproximar Dele, e assim o pecado se afastará de nós.

A segunda lição é que a ordem de Jesus deve ser obedecida. Mesmo numa situação a qual pensamos ser experientes para resolver, devemos ouvi-lo e obedecê-lo. Se Ele diz para lançarmos as redes, mesmo pensando que isto não dará certo, “sob a palavra Dele”, o melhor a se fazer é obedecer.

Devemos obedecer às palavras de Cristo fazendo o nosso melhor, e quanto ao resultado, bem, deixamos isso com Ele que é “…poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós”. (Ef.3.20)

Portanto, não temamos irmãos. Vamos obedecer e lançar as redes!

Pr. Wallace Monteiro Pinheiro 

Recentes

Mensagem - Luzes do Natal

Artes

Luzes do Natal

Mensagem - Nasceu a esperanca

Pastoral

Nasceu a esperança!

Mensagem - Missoes no Oeste da Africa

Evangelismo e Missões

Missões no Oeste da África

Comentários

Deixe o seu comentário!

Todos os campos são obrigatórios.